Refrigerantes ‘zero açúcar’ podem lhe dar 60% mais chances de ter diabetes, diz estudo

 Bebidas gaseificadas conhecidas como diets ou zero açúcar lhe dão 60% mais chances de ter diabetes comparado com a “versão normal”, diz um surpreende estudo.

A pesquisa foi realizada com 66 mil mulheres e descobriu que aquelas que beberam refrigerantes adoçados artificialmente eram mais propensas ao desenvolvimento do diabetes, comparado com as versões tradicionais dos produtos.

Os resultados foram publicados no American Journal of Clinical Nutritionmostrando que as versões tradicionais nem sempre são as piores para a saúde do nosso corpo.

O efeito foi ainda maior em pessoas que bebiam mais do que 2,8 copos de refrigerantes com adoçante por semana. As versões tradicionais já foram associadas com um maior risco de acúmulo de gordura e desenvolvimento de diabetes, mas pouco se sabia sobre os homólogos adoçados artificialmente, muitas vezes atribuídos na imprensa ou através de publicidade como um substituto saudável.

Como foi a pesquisa?

O estudo entrevistou 66 mil mulheres na França sobre seus hábitos alimentares. A saúde delas, então, foi monitorada ao longo de 14 anos, de 1993 a 2007.

Os pesquisadores do Instituto Nacional de Saúde e Pesquisa Média da França examinaram as taxas de diabetes entre as mulheres que bebiam regularmente refrigerantes diets ou apenas sucos de frutas sem açúcar. As que consumiam o refrigerante tiveram um maior risco de desenvolver a doença, comparado com as que preferiam sucos, também sem açúcar.

Aquelas que bebiam 359 ml por semana, aproximadamente uma latinha de refrigerante, possuíam 1/3 a mais de probabilidade em desenvolver diabetes. O risco dobrava entre as que consumiam uma pet de 600 ml.

Contrariamente ao pensamento convencional, o risco de diabetes é maior com bebias sem açúcar comparado com as bebidas regulares bastante açucaradas”, comentaram os responsáveis pelo estudo em comunicado à imprensa internacional.

O artigo ainda salientou que estudos anteriores já haviam mostrado que o aspartame – um dos adoçantes mais usados pelas indústrias em todo o mundo pelo seu baixo valor – se comporta de muito semelhante à glicose em nosso sangue, aumentando os níveis de insulina.

Ao longo do tempo, a doença pode danificar o coração, vasos sanguíneos, olhos, rins e até os nervos – aumentando o risco de doenças cardíacas, insuficiência renal, acidente vascular cerebral e até cegueira.A Organização Mundial de Saúde afirma que 347 milhões de pessoas no mundo tem diabetes, uma doença crônica que ocorre quando o pâncreas não produz mais insulina suficiente para controlar a glicose ou quando o corpo não consegue usá-la com eficiência.

*As imagens são meramente ilustrativas. A pesquisa não informou marcas de refrigerantes.

Advertisements

One thought on “Refrigerantes ‘zero açúcar’ podem lhe dar 60% mais chances de ter diabetes, diz estudo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s