Alimentação como determinante de complexidade dos primeiros ecossistemas

103807_web

YARA LAIZ SOUZA – Uma equipe de pesquisadores do Canadá, Reino Unido e EUA, ao estudar o fóssil de um organismo extinto chamado Tribrachidium, concluíram que os primeiros ecossistemas não eram nem um pouco simples como estávamos costumados a achar. Essa conclusão foi possível graças a simulações de computador, que permitiram estudar o comportamento desse organismo e de muitos outros. Apesar de sua estrutura simples, a complexidade dos ecossistemas formados intriga os pesquisadores que chegaram a resultados interessantes.

O Tribrachidium viveu no período Ediacara, que varia de 635 milhões a 541 milhões de anos atrás. O organismo viveu a cerca de 555 milhões de anos atrás nos oceanos. Usando uma técnica computacional chamada dinâmica de fluídos, os pesquisadores concluíram que o Tribrachidium alimentava-se através de partículas em suspensão na água, um tipo de alimentação que ainda não havia sido documentada em nenhum organismo que tenha vivido nesse período.

O período Ediacara é marcado pela presença de uma grande variedade de organismos grandes e complexos que são difíceis de ligar com qualquer espécie moderna. Antigamente, pensava-se que estes organismos, simples, formasse ecossistemas por apenas alguns modos de alimentação, mas, agora, a alimentação por partículas suspensas deixou os cientistas estupefatos.

O Dr. Simon Darroch comenta: “Por muitos anos, os cientistas têm assumido que os mais antigos organismos complexos da Terra, que viveram há mais de meio bilhão de anos atrás, era alimentados por uma ou duas maneiras diferentes. Nosso estudo mostrou que isso era falso. O Tribrachidium e outras espécies foram capazes de alimentação suspensa. Isso demostra que, contrariamente às nossas expectativas, alguns dos primeiros ecossistemas foram realmente muito complexos”.

Fonte: EurekAlert

 

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s